sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Uns com tanto...outros com tão pouco!


Esta questão da sexualidade dá sempre assunto para teses, mestrados, debates, perguntascolocadas ao Dr. OZ...e outras coisas mais.


É um assunto complexo e sério. Cada vez mais, nos dias "feitos de corridas contra o tempo", feitos de falta de tempo para os casais terem momentos de verdadeira calmia e despreocupação, a actividade sexual passa a ser vista como algo de 2º plano. A preocupação com os filhos, a medicação ...tudo isso concorre para que o apetite sexual vá diminuindo. E mais diminui com o passar dos anos e a falta dessa mesma actividade. Os preliminares são importantes...e são, tantas vezes, esquecidos...


O "fazer amor", e não apenas "ter sexo"...é algo que vai escasseando. Por isso vemos pessoas na rua, cabisbaixas, tristes, amuadas.... (não é o meu caso, obviamente....)

Por isso, dei um salto na cadeira quando li que um indivídui se foi queixar à Polícia do voraz e sôfrego apetite sexual da mulher! Nem queria acreditar!
Veja...e suspire, como eu fiz.....
...dan...

3 comentários:

Tuquinha disse...

Que pensa a sua Maria disso?hehehe eu terei que perguntar ao meu marido....mas que pelos vistos há mulheres DANADAS há.....hehehe e esta há-se ser de "estrelibeta"........
Cumprimentos

dinona disse...

Por acaso já tinha lido esta notícias e concordei com a senhora, ele tem é de cumprir o seu dever como marido e mais nada!
São todos muita machões, mas chega à altura fugeeeeeee lololol à granda maluca!

Catarina Sofia disse...

Foi preciso coragem xD